Pular para o conteúdo
Voltar

Estabelecimentos agropecuários de MT podem ampliar comercialização

Empresas registradas no SISE/MT na categoria abatedouro-frigorífico e fábrica de laticínios são beneficiadas
Thielli Bairros | Sedec MT

- Divulgação Indea-MT - Foto por: Indea mT
- Divulgação Indea-MT
A | A

As empresas do ramo agropecuário que estiverem registradas no Serviço de Inspeção Sanitária Estadual de Mato Grosso (SISE/MT) tem a oportunidade de ampliar a comercialização de seus produtos. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) reconheceu a equivalência do SISE/MT, na categoria abatedouro-frigorífico e fábrica de laticínios, ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI-POA).

“Isso significa que os estabelecimentos registrados no SISE podem comercializar seus produtos em todo o território nacional. Até então, o comércio ficava restrito ao território estadual, conforme estabelecido na Lei Federal 7.889/89”, explica Fernanda Rocco, coordenadora do CISPOA no Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (INDEA MT).

O INDEA MT já possuía o reconhecimento de equivalência para a categoria de fábrica e entreposto de cárneos desde 2017. “De forma gradativa, a equipe do INDEA MT vem trabalhando para incluir novas categorias atendendo à demanda dos empresários”, diz Luiz Fernando Flamínio, presidente do Instituto.

De acordo com a coordenadora Fernanda Rocco, a ampliação proporcionará um maior incremento no desenvolvimento da cadeia agropecuária de Mato Grosso. “Haverá mais vagas de empregos por causa do aumento da produção nas indústrias, fortalecendo os pequenos e médios empresários. O consumidor também ganhará com o aumento da diversidade de produtos e com garantia de qualidade e inocuidade”, afirma.

 





Editorias